Segurança e cuidados no ambiente para o bebê dormir

Olá papais!

    Ao começar a pensar nos móveis do quartinho do bebê ou na decoração, considere alguns cuidados para a segurança do ambiente.

Atente-se também para, depois que o bebê nascer, observar objetos que possam ser sufocantes ou que auxiliem o bebe a escalar o berço, a fim de evitar quedas.

  • Certifique-se de que o berço tenha uma boa profundidade e que a parte do colchão possa ser ajustada de acordo com o desenvolvimento do bebê
  • Meça a distância entre as barras verticais ao redor do berço para não correr risco de a cabeça, pernas e/ou braços do bebê ficarem presos
  • Verifique se o colchão acomoda-se perfeitamente ao berço; não deve haver nenhum tipo de protetor ou enfeite para completar espaços vazios, já que pernas e braços podem ficar presos
  • O protetor é bonito, porém dispensável, principalmente em regiões onde faz muito calor. Ele acumula pó e atrapalha a circulação do ar dentro do berço
  • O lençol deve estar colocado de maneira bem apertada ao colchão
  • Coloque o bebê para dormir de barriga para cima, para reduzir os riscos da síndrome da morte súbita do lactente
  • Não use travesseiros, almofadas e cobertores em excesso, nem ursinhos de pelúcia no berço. Há risco de sufocamento.
  • Verifique se não há no berço nada que possa ser sugado pelo bebê. Botões, cordões e até fraldinhas de boca podem ser perigosos
  • Posicione o berço distante de janelas, luminárias, enfeites de parede, fios ou móveis que possam ser usados como apoio para pular
  • Uma vez que seu filho já consiga se sustentar de quatro, retire brinquedos que atravessam o berço, como móbiles. Quando ele puder erguer-se sozinho, será a hora de tirar os protetores laterais também, para que não possam ser usados como degrau, além de posicionar o colchão na posição mais baixa possível
  • Prefira agasalhar com roupas o bebe, do que utilizar cobertores muitos cobertores
  • Fios pendurados em cortinas e persianas representam risco de estrangulamento. Se for necessário, dê um nó para suspender os fios
  • Berços com grades laterais móveis foram proibidos pelo Inmetro. Mesmo que você encontre modelos mais antigos ou usados no mercado com as grades que sobem e descem, não arrisque. O mecanismo pode quebrar ou se soltar e criar um espaço onde a cabeça e/ou membros do bebê podem ser presos entre o colchão e a grade. É necessária muita atenção e cautela, se o berço utilizado pelo bebê for deste modelo.

O Alô Mamãe deseja uma ótima e segura noite de sono para toda a família!

Enf. Carolina Young Yanes

Enfermeira – Alô Mamãe

COREN/SC 488.685

Sobre Alô Mamãe:
O Alô Mamãe é um serviço de assinatura de orientação e informação em saúde para gestantes e mamães de bebês. É um canal disponível 24 horas por dia para as mamães tirarem dúvidas sobre a gestação e os cuidados com seu bebê. O atendimento é feito por uma equipe multidisciplinar formada por médicos, enfermeiras, nutricionistas e educares físicos que fazem o acompanhamento da saúde da gestante/mãe e do bebê. Além disso, a equipe de saúde entrará em contato para fazer o acompanhamento durante toda esta fase de gestação e pós-parto. O objetivo não é substituir as consultas e o acompanhamento médico, mas sempre estar à disposição para responder as dúvidas das assinantes.

Site:  http://alomamae.net/#/mamaebox

Fone: 0800 888 8121

Vídeo: https://youtu.be/xejCbTdoFz4


Deixe seu comentário