Brotoeja, será?

Devem ser apenas brotoejas, se o bebê aparecer com uma erupção de pele bem vermelha no pescoço, debaixo dos braços ou na região da fralda, e não se assuste.

A brotoeja surge devido ao calor, em áreas do corpo onde há muito contato com a roupa, como o peito, a barriga, o pescoço, a virilha e o bumbum.

Quando a criança usar chapéu ou boné, a brotoeja pode aparecer até no couro cabeludo e na testa, e de vez em quando também no rosto (com frequência junto com a dermatite atópica, ou às vezes confundida com ela).

Há algum perigo na brotoeja?

Geralmente não, mas brotoeja é sinal de que a criança está com calor demais. Se ela não se refrescar, pode ter problemas mais sérios, como a insolação.

É preciso cautela também com um bebê agasalhado demais para dormir, porque isso pode elevar o risco de síndrome da morte súbita infantil.

O que provoca a brotoeja?

Quando faz calor, a criança transpira para diminuir a temperatura do corpo. A brotoeja aparece quando o suor entope os poros da pele e fica impedido de sair. (Os bebês novinhos ficam especialmente propensos às brotoejas porque seus poros são menores.)

O uso de roupas apertadas ou quentes demais colabora para o acúmulo de suor, agravando a irritação. A brotoeja pode surgir ainda quando o bebê tem febre, porque ele transpira mais.

A criança sente dor?

A brotoeja não costuma doer, mas pode coçar bastante.

Qual é o tratamento?

Antes de tudo, refresque seu filho. Afrouxe ou tire as roupas dele e o leve para um ambiente arejado e à sombra. Em seguida resfrie as áreas afetadas com paninhos molhados.

Um banho bem fresquinho, até com maisena na água, pode ajudar. Em vez de secá-lo com a toalha, deixe a pele secar sozinha. Deixar a criança pelada por algum tempo também pode ajudar.

Não passe cremes (pois podem obstruir ainda mais as glândulas do suor) sem a orientação médica, e não use talco. O talco tem partículas muito finas que podem ser inaladas por acidente pelo bebê, ficando presas nas vias respiratórias e pulmões dele.

Prefira maisena ou produtos à base de maisena, não de talco, porque o pó do amido de milho tem partículas maiores. Mesmo assim, não passe nenhum pó perto do rosto e do pescoço do bebê e mantenha o recipiente fora do alcance das mãozinhas dele.

Não use amaciante nas roupas do bebê, preferindo apenas o sabão de coco. Confira quando pode usar sabão comum para lavar as roupas das crianças.

Como evitar as brotoejas?

Mantenha a criança com roupas leves e largas. Embora não haja provas de que um tipo de tecido seja melhor que o outro, os dermatologistas preferem fibras naturais como o algodão, em vez de roupas sintéticas.

Sempre que o bebê estiver suando é sinal de que está com calor demais. Deixe-o à sombra, num lugar arejado, e dê bastante líquido para ele não correr o risco de desidratar.

Vale também cortar as unhas do bebê, assim não há risco de ele se coçar e acabar machucando ainda mais a pele.

Preciso levar meu filho ao médico por causa da brotoeja?

Só se ela vier acompanhada de febre alta (acima de 39 graus Celsius), se a erupção não melhorar depois de três dias, ou ainda se apresentar algum sintoma acompanhado de prostração que traga maior preocupação para você.

Fonte: Escrito por Baby Center Brasil.


Deixe seu comentário