Cuide da visão: Distúrbios podem causar desconforto durante a gravidez, por Sempre Materna

Mudanças hormonais, emocionais e físicas são comuns durante a gestação e os olhos também são atingidos nessa fase. Nos três últimos meses, distúrbios de visão podem ser notados e, caso não haja tratamento adequado, podem se tornar permanentes.

 O oftalmologista do Hospital de Olhos “Eye Care”, Renato Augusto Neves, lista os principais problemas que podem ocorrer no período de gestação:

Olho seco

A síndrome do olho seco pode provocar desconforto e irritações durante o uso de lentes de contato. Neste caso, o uso de lágrimas artificiais para lubrificá-los é indicado. “Vale ressaltar que, dependendo do tipo de lente de contato que se usa, há uma marca de lágrima artificial apropriada, que não irá danificar o material. É importante, ainda, que o oftalmologista indique uma substância que seja segura para a gestante”, diz Renato.

Visão embaçada e Desdobramentos da pré-eclâmpsia

Os desdobramentos da pré-eclâmpsia podem ser identificados através dos olhos em cerca de 5% a 8% das gestantes. “O aumento da pressão sanguínea e a presença de proteína na urina podem causar perda temporária de visão, sensibilidade à luz e visão embaçada ou com formação de halos ou flashes”, explica Neves.  Essa condição pode progredir e acarretar complicações, por isso, o médico responsável pelo pré-natal deverá ser imediatamente consultado.

Desdobramentos do diabetes gestacional

Já o diabetes gestacional, derivado de altas taxas de açúcar no sangue e que costuma aparecer no segundo trimestre de gestação, pode danificar pequenos vasos sanguíneos que alimentam a retina. “Neste caso, é necessário tratamento médico especializado, para que os níveis de açúcar no sangue fiquem dentro de parâmetros aceitáveis e não interfira no desenvolvimento do bebê”, finaliza o especialista.

Parceria Clube MamãeBox e Revista Sempre Materna


Deixe seu comentário