Maternidade in Box – A insegurança Feminina

Cada vez tenho visto mais mulheres reclamando de seus corpos após a gestação. Não posso falar muito disso pois sempre fui gordinha e nem um pouco vaidosa. Mas encontrei meu chinelo velho que me aceita como sou.
O que me preocupa são os inúmeros relatos de mulheres que após a gravidez se sentem feias, inseguras, tem medo de se mostrar para os companheiros ou ficam neuróticas porque o peito caiu, a barriga não é mais chapada e as estrias e celulites apareceram ou aumentaram.
Criam uma neurose tão grande em suas cabeças que acabam atrapalhando todo o resto de suas vidas e, principalmente a vida conjugal.
Não são poucos os pais que reclamam de suas esposas nesse aspecto. Não de seu corpo (a maioria nem percebe todas essas mudanças e acha você mais linda e sublime do que antes) mas de como isso causou um afastamento entre o casal.
Falei aqui do sexo durante a gravidez. E acho que é fundamental falar do sexo depois da gravidez também. Passado o resguardo, é importante que você, vá aos poucos, se libertando de suas neuras e converse muito com o maridão sobre o assunto.
Sexo não é só cama, é corpo e mente. Mas principalmente mente. A gente precisa sentir, confiar e relaxar para que role de forma natural. E nada melhor do que um bom papo para que isso ocorra.
Já sei… Você vai me dizer que seu bebê lhe deixa exausta e que quando você vai para cama só consegue pensar em dormir. E quando vai para o banho? E aquele cochilo que ele tira durante o dia? Sexo relaxa, e isso é comprovado. Então, tente não procurar tantas desculpas e se de esse momento de prazer.
A maternidade realmente é exaustiva, mas ela é compensadora. E ela não pode anular seu lado mulher. Seu corpo está diferente, mas com certeza, seu parceiro não dá a mínima para isso (pergunte a ele!) Sua cabeça está diferente e esse é o problema. Não são seus seios, sua bunda ou sua barriga que deixam você assim, são seus hormônios e sua cabeça e se você está percebendo que não consegue se ajudar sozinha ou conversar com ele não lhe ajuda, procure um profissional. E permita-se se aceitar, se sentir linda e principalmente relaxar com seu marido!

Luísa Aranha
Jornalista
Gordinha, mãe de dois, que se aceita e não perde a chance de relaxar!
www.mamaeneura.com


Deixe seu comentário