Sono do recém nascido: quantas horas o bebê dorme no primeiro mês?

A importância do sono do recém nascido, médico explica tudo!

O sono do recém nascido ou do bebê tira, literalmente, horas de sono de muitas mães.

No primeiro mês de vida, o recém nascido costuma ter de 17 a 16 horas de sono, mas a matemática não é igual para todos.

Portanto, se o seu bebê não dorme as mesmas 16 horas que o bebê do vizinho, não entre em desespero: “Se ele está bem disposto durante o dia, crescendo e mamando normalmente, não tem porque se preocupar. Cada bebê tem sua necessidade de sono diferente”, ressalta o pediatra e pesquisador do Instituto do Sono, Gustavo Antonio Moreira.

Saiba mais sobre o sono no primeiro mês do bebê:

  • 1 Quanto tempo o recém nascido dorme?
    De acordo com Gustavo Antonio Moreira, a média de sono diária do recém nascido é de 16 das 24 horas do dia. “Basicamente, ele dorme, acorda para mamar e tomar banho, e volta a dormir”, explica.
    E assim permanecerá até meados do terceiro mês de vida, quando o relógio biológico começa a se acostumar com a rotina de vida criada pela mãe. No livro “O sono do meu bebê”, da Editora CMS, Renata Soifer Kraiser explica que o tempo de sono do recém-nascido pode ser além das 17 horas, mas que o período cai para cerca de 15 horas quando atinge os três meses.
  • 2 Qual o número ideal de mamadas para o bebê?
    Se a quantidade de horas de sono não é igual para todos os bebês, o número de mamadas também pode variar.
    Renata Soifer explica que o recém nascido costuma mamar em torno de 7 a 8 vezes ao dia, incluindo a mamada da madrugada.
  • Essencial para a parte física e psicológica do bebê, dormir bem tem benefícios diretos no desenvolvimento do Sistema Nervoso Central, na memória e no crescimento.
    É dormir bem que vai deixar seu bebê bem-humorado, alegre e pronto para abrir o sorriso quando ouvir a voz dos pais.
    Gostou? Compartilhe com uma futura mamãe ou mamãe de um recém nascido ou bebê. Beijos.

    Siga o @mamaebox também no www.instagram.com/mamaebox


Deixe seu comentário